Hospital de Câncer avança e FPA reconhece trabalho do Dr. Sinval

“Que eu tenho conhecimento, Dr. Sinval é o deputado que mais apoiou a Fundação Padre Albino em toda a história”. A frase é do presidente da Diretoria Administrativa da instituição, Dr. José Carlos Rodrigues Amarante, e foi proferida durante encontro de colaboradores da Fundação Padre Albino com representantes do Sesi, Senai e Fiesp no Hospital Emílio Carlos.

Representantes do “Sistema S” conheceram as instalações e ficaram impressionados com o ritmo das obras. Na última semana, teve início o processo de montagem do acelerador linear do Serviço de Radioterapia/Hospital de Câncer de Catanduva. O equipamento foi liberado após gestões do Dr. Sinval junto ao Ministério da Saúde, inclusive para atualização do contrato.

Cinco funcionários da indústria Varian, fabricante do acelerador linear, vieram a Catanduva para a preparação das dezenas de peças distribuídas em mais de 25 caixas de carga especial importadas da China. O serviço de abertura, retirada dos equipamentos e posicionamento na sala de tratamento, a casamata, foi finalizado no último domingo (26).

O presidente da FPA explanou sobre o Hospital de Câncer da Fundação, instalado em área anexa ao Hospital Emílio Carlos, que vai atender Catanduva e a microrregião em todos os casos que necessitem de radioterapia, modalidade de tratamento oncológico que se acopla a outras já tradicionalmente conhecidas como cirurgia, quimioterapia, hormonioterapia e imunoterapia.

Com a conclusão da Radioterapia, o Serviço de Oncologia da Fundação Padre Albino terá condições plenas de prestar atendimento terapêutico e diagnóstico na área para a quase totalidade (95%) dos casos, faltando somente transplante de medula óssea e implantes radioativos.

Visitantes – A pedido do candidato ao governo do Estado Paulo Skaf (MDB), o Prof. Walter Vicioni, da UniSESI e candidato a deputado estadual pelo Sistema S, acompanhado por Liszt Abdala, diretor regional da FIESP, Prof. Marcos Kapp, do SESI, e Prof. Ilieste Malta, visitaram a Fundação Padre Albino.

Os visitantes foram acompanhados do Dr. Sinval Malheiros, médico e deputado federal, seu chefe de gabinete Jurandyr Bueno, pelo presidente da Diretoria Administrativa, Dr. José Carlos Rodrigues Amarante, e os diretores Prof. Nelson Lopes Martins e Prof. Laer Sérgio Dervelan e Renata Bugatti, administradora. No Hospital Emílio Carlos se juntou ao grupo o administrador Benê Rodrigues para visita aos Serviços de Radioterapia/HCC e Quimioterapia.

 

Legenda
Novo Hospital de Câncer de Catanduva, projeto avaliado em mais de R$ 14 milhões, é um sonho que se consolida

Publicações relacionadas