Saec inicia fiscalização de fossas sépticas no Jardim dos Coqueiros 2

A Superintendência de Água e Esgoto de Catanduva (Saec) iniciou a vistoria em fossas sépticas do Jardim dos Coqueiros 2. A fiscalização é realizada em cumprimento ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com a Promotoria de Justiça, em 2016. Os imóveis cujos sistemas estão em desacordo com a norma NBR 7.229 serão notificados.

As adequações, em consonância com a norma, preveem projeto, construção e operação de sistemas de tanques sépticos no município. Cada um deles deve ser composto por fossa séptica, seguida de sumidouro.

Até agora, foram contabilizadas 93 chácaras na área de vistoria, nas ruas Tangará, Miracema, Serranópolis, Itaperuna, Japeri, Mossoró, Flórida e Valença. Constatada a irregularidade, o proprietário deve providenciar as adequações para enquadramento à NBR 7.229, conforme determinação da Promotoria Pública.

“É importante que os proprietários estejam atentos e procedam às adequações. Assim, evitam autuações. A execução do serviço, após aprovação do projeto, deve ser imediata. Finalizada a obra, o proprietário deve acionar novamente a fiscalização da Saec, para vistoria e aprovação final”, explicou a engenheira Wilma Scognamiglio Joaquim.

Os efluentes retidos nas fossas devem ser coletados após se verificar o esgotamento da sua capacidade, com aproximadamente um ano de uso, por caminhões Limpa Fossa apropriados.

Proprietários de chácaras em situação irregular e que já receberam a notificação devem entrar em contato com a engenheira Wilma Scognamiglio Joaquim ou Gabrielly Milan, na SAEC, pelo telefone (17) 3531-0600, ramal 618, ou pelos e-mails [email protected] e [email protected]

Fonte: Assessoria/Prefeitura

Publicações relacionadas